Comodidade e você

segunda-feira, agosto 6
Durante um almoço conversava sobre o futuro. Eu era a mais nova e falava um pouco sobre o que eu queria viver e conquistar. Os mais velhos falavam o quão próximo estavam de se aposentar e curiosa perguntei o que iriam fazer quando a tão esperada aposentadoria chegasse. Para minha surpresa escutei que começariam projetos que estão guardados há anos e que não iniciaram porque para ganhar dinheiro não dá para trabalhar com o que amamos. Na hora já falei que não queria esperar chegar à aposentadoria – que talvez nem chegue para mim – para trabalhar nos projetos que amo e tornar isso o meu trabalho e fui repreendida com “você ainda não entende da vida”. Guardei isso pra mim e fiquei pensando sobre.

Falei tudo isso pra dizer que neste momento cheguei à conclusão que eu estava cercada de pessoas acomodadas. Pessoas que infelizmente vivem o trabalho rotineiro e “chato” e acreditam que essa é a única opção de vida profissional bem sucedida. Decidi que eu não quero isso para mim e que não podia deixar isso influenciar meus sonhos e objetivos profissionais.

“Nós somos a média das cinco pessoas que mais passamos o tempo” – Jim Rohn

Sabe o versículo “Aquele que caminha com os sábios será cada vez mais sábio, todavia aquele que anda na companhia dos insensatos acabará arruinado” – Provérbios 13:20, é a mais pura verdade e eu vim falar que somos seres influenciáveis e que não há nada de errado nisso. Mas, saiba em quem se inspirar para viver. Quer realizar seus sonhos? Cola nas pessoas que estão lutando para realizar os dela ou nas que já realizaram alguns e estão buscando realizar novos. Não conhece pessoas ao seu redor que são assim? Leia livros que te inspiram a continuar, ouça podcasts ou vídeos de pessoas que te motivam e se não dá para se afastar dos acomodados seja a pessoa motivadora dele.

“Siga pessoas que te motivam e seja inspiração para os que te cercam”


Enquanto você viver ao lado de pessoas acomodadas e se alimentar apenas disso você será igual. “Não vos enganeis! “As más companhias corrompem os bons costumes” 1 Coríntios 15:33. Outro exemplo foi quando eu percebi a maneira como mudei o jeito de ver as coisas. Sempre fui muito otimista, porém, por um período, cercada de pessoas desacreditadas e pessimistas percebi que não acreditava mais que as coisas dariam certo como antes e isso não me agradava. Já confundi o pessimismo com “cresci” e “estou sendo realista”, não confundam as coisas.

Se atentem ao que escutam, leem, assistem e ao comportamento das pessoas que o cercam. Não sejam pessoas acomodadas. Busquem ser a pessoa que diz que vai fazer caminhada no outro dia de manhã e faz, que vai guardar dinheiro para ir viajar e guarda, que vai passar o semestre sem pegar exame e consegue. Seja a pessoa que realiza os pequenos, médios e grandes objetivos. Seja quem você admira. Seja a pessoa que realiza e motive outros a realizar também.

Espero que isso te ajude a abrir os olhos para quem você é, quem tem sido sua influencia e te motive a ser inspiração de alguém. Infelizmente ainda sou um pouco da pessoa acomodada que não quero ser mais, mas, estou mudando hábitos e revendo o que eu consumo. Por isso, semana que vem compartilharei uma lista com livros, canais e perfis de pessoas que me inspiram.

Tem alguma dica, dúvida ou sugestão? Comenta aqui. Beijos e até mais!

0 comentários:

Postar um comentário